quinta-feira, 20 de setembro de 2012

VII Semana Acadêmica de Letras da FSLF


A Semana Acadêmica de Letras é uma ação intelectual, no formato evento, coordenado pela Profa. Dra. Vilma Mota Quintela, como ação construtora no desenvolvimento cultural e intelectual do alunado do curso. A percepção que margeia a contemporaneidade do clássico com o que é posto como cultural e inovador no mundo das letras, suas variantes, suas vertentes e, suas correntes é objeto de discussão nesta 7ª edição, intitulada “O Cenário das Letras na contemporaneidade”.
A semana acadêmica abre seu ciclo de palestras com os temas: “Linguagem e Poder”, proferida pelo Psicólogo Gélio Albuquerque Bezerra e “A Docência como Prática Coletiva”, proferida pelo Prof. Dr. Jorge Carvalho do Nascimento/UFS.
Na continuidade das atividades propostas pela semana de letras com a inserção da Mostra de filmes “Leitura cinematográfica de obras literárias”, o público interno e externo vivenciou a exibição do filme “CAPITU”, de Paulo César Saraceni, baseado no romance Dom Casmurro (1899), de Machado de Assis.
As Oficinas de língua portuguesa iniciaram suas atividades com o tema “Gêneros Textuais”, apresentado por Layanne Thays dos Santos e Fernanda Figueiredo Vieira, acadêmicas do curso de Letras da FSLF.
O ciclo de palestras promovido pelo evento deu segmento com “O Mito da Identidade Nacional”, palestra proferida pelo Prof. Dr. Luiz Eduardo Meneses de Oliveira/UFS, que salienta e traz à luz do conhecimento do alunado do curso e visitantes, uma abordagem acerca do modo como os abusos e incongruências do ideário nacionalista emergem do próprio ato de narrar à nação, principalmente quando se pensa que o espaço da nação que se quer unívoca linguística e etnicamente é também o espaço das gerações que se seguiram àqueles que dela fizeram parte inicialmente, desestabilizando a pretensa unidade nacional.
A culminância dos trabalhos foi à representação dramática do romance “O Primo Basílio”, de Eça de Queirós, em LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais, por acadêmicos do curso, sob a orientação da Professora Geórgia Brandão/FSLF. Equipe de dramatização: Adjane Correia; Anne Caroline; Ari Leal; Elma Ribeiro; Everton Alves; Jônata Viana; Valdiedson; Valtemir de Sá Rocha e Vera Norma. A síntese da dramatização é uma vivencia das personagens presentes no enredo, visto que, no romance o escritor reproduz os acontecimentos, os tipos e os comportamentos humanos das personagens de forma fiel.
Na continuidade programada da semana e na perspectiva de acesso a outras fontes não impressas, como experimentação de saberes, a III Mostra de filmes “Leitura cinematográfica de obras literárias”, trás para o seio acadêmico o filme “O Cortiço”, de Francisco Jr., baseado no romance homônimo de Aluísio Azevedo (1890), comentado por Luiz Carlos Nascimento da Hora/Letras/FSLF.
A ação pedagógica presente nas Oficinas de Linguística, paulatinamente contribuem para elucidação de lacunas existentes entre o conhecer e contextualizar temas e situações particulares ao mundo das letras. Deste modo, no segmento da oficina, o tema “Saussure e a lingüística moderna”, fora abordado pelo proponente Ariosvaldo Leal de Jesus acadêmico do curso de Letras/FSLF.
A transmissibilidade imprime as sessões de comunicações orais, enquanto proposta pedagógica, uma ação interdisciplinar que concebe ao alunado do curso e visitantes a experimentação de novos olhares e saberes acerca do elemento estudado, esta metodologia favorece e viabiliza a amplitude e a difusão de novos conhecimentos. Deste modo, cada comunicação exige do comunicador um estudo profundo do tema.
No eixo temático que compreende a apresentação de palestras, a semana acadêmica oportuniza para seu alunado a absorção de novos conhecimentos, olhares e saberes acerca da cultura grega no tema: “A presença do Grego na língua portuguesa”, palestra proferida por Prof. Dr. José Raimundo Galvão/UFS, contribuiu para valorar a presença da derivação grega na formação de vocábulos que derivam do latim.
A representação dramática da síntese do romance O Primo Basílio (1878), de Eça de Queiroz, por acadêmicos do curso, sob a orientação do Prof. João Escobar, finaliza os trabalhos do dia. Equipe de dramatização: Itânia Mara; John Eldon Barbosa; Juliana; Marta; Pedro Paulo e Sílvia.
A “Leitura cinematográfica de obras literárias” promove na dinamicidade do evento, uma ação que perpassa do mero ato de assistir, ela compreende a aquisição de novos elementos na formação globalizada do alunado do curso. O filme “CAPITÂES DA AREIA”, de Cecília Amado, baseado no romance homônimo de Jorge Amado (1937), finaliza as exibições programadas para esta edição da III Mostra de filmes.
A intelectualidade e a contemporaneidade presentes nas leituras oportunizadas pela Oficina de Teoria Literária, promove eixos transversais que promulga o conhecimento como algo continuo, necessário ao ato de empreender na leitura uma descoberta repleta de sensações e particularidades presentes no contexto do objeto de leitura, assim, o tema “Os gêneros literários”, apresentado por Ellen dos Santos Oliveira e Jonatas Viana Rosa, acadêmicos do curso de Letras/FSLF, finaliza os trabalhos desenvolvidos para esta edição da semana acadêmica.
Confira as fotos desse evento que foi um sucesso!
Profa. Msc. Cristiane Tavares na abertura da VII Semana Acadêmica de Letras
Execução do Ino Nacional em Libras / Edicarlos (Acadêmico de Letras)
Psicólogo Gélio Albuquerque Bezerra
Abertura da VII Semana Acadêmica de Letras (Casa Lotada)!!
Prof. Dr. Jorge Carvalho do Nascimento.
Credenciamento (Coráli, Anali e Rayanne).
Prof. Dr. Luiz Eduardo ao lado dos professores da FSLF (Álvaro Pereira e Jorge Luiz) e da Coordenadora do Curso de Letras a Profa. Dra. Vilma Mota Quintela.
Prof. Dr. Luiz Eduardo Oliveira
Ari Leal (Presidente do CALVM) conduzindo as atividades da VII Semana de Letras.
Estudantes de Letras na VII Semana Acadêmica da FSLF.

O primo Basílio peça organizada pela Profa. Esp. Geórgia Brandão.
Alunos da FSLF ao lado do Prof. Msc. Álvaro Pereira.
Prof. Dr. Galvão.
Alunos do 6° período dramatizando a peça O primo Basílio.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário