Histórico

A história do CALVM começou durante as férias, em Julho de 2010, alguns acadêmicos do curso de Letras da Faculdade São Luís de França - FSLF, participaram de um Congresso Universitário, o 31º ENEL (Encontro Nacional dos Estudantes de Letras). O encontro aconteceu na Universidade Federal da Paraíba - UFPB, em João Pessoa /PB, e entre os acadêmicos que estiveram presentes, estava os primeiros integrantes e fundadores: Ariosvaldo Leal de Jesus, Ellen dos Santos Oliveira e Luiz Carlos Nascimento da Hora. No 31º ENEL, eles adquiriram conhecimento sobre a política estudantil e perceberam a importância de um Centro Acadêmico. Porém, ao retornar ao convívio acadêmico, esses já cursando o segundo período de Letras, relataram aos demais colegas do curso sobre suas experiências vividas durante as férias. Algum tempo depois, a professora Dra. Vilma Mota Quintela, coordenadora do curso de Letras da instituição, incentiva os acadêmicos a criarem o órgão estudantil que iriam representar os estudantes de Letras da faculdade.
Durante o mês de Agosto eles visitaram as salas incentivando os outros acadêmicos dos demais períodos do curso, a criarem suas chapas para concorrerem, mas, não houve iniciativa e a única chapa formada foi a “Unidos Venceremos” do segundo período de Letras da FSLF, e seu tema de campanha foi a seguinte frase: “Vamos Juntos escrever a nossa história”.
Em Setembro de 2010, todos os acadêmicos do curso de Letras da Faculdade São Luís de França foram convidados a votar. Como a única chapa formada era a “Unidos Venceremos”, os estudantes do curso deveriam escolher se eram a favor ou contra a eleição da chapa. Assim, se o resultado da votação fosse positivo, a chapa “Unidos Venceremos”, seria eleita para compor o Centro Acadêmico de Letras, mas, caso o resultado fosse negativo, o CAL, seria um projeto adiado, pois não haveria representação acadêmica eleita para concretizá-lo.
Os acadêmicos participaram, e fizeram valer os seus direitos, votando sabiamente eles elegeram a chapa com 90,02% dos votos. Foi uma grande conquista para o curso de Letras da FSLF.
A cerimônia de Posse da primeira gestão do Centro Acadêmico de Letras Vinicius de Moraes foi realizada no dia 26 de Novembro de 2010, na sexta feira, e último dia da IV Semana Acadêmica do Curso de Letras. Para a ocasião a equipe organizou o Sarau Poético: Tributo a Vinicius de Moraes, em homenagem ao poeta que dá nome ao órgão acadêmico recém criado. A escolha do nome do poeta - promovido, em 2010, pelo presidente Luís Inácio Lula da Silva, ao cargo de ministro de primeira classe - para batizar o centro é um sinal do reconhecimento, por parte dos acadêmicos, de sua importância para a literatura e para a cultura brasileira, bem como uma forma de lembrar os 30 anos da sua morte, ocorrida em 1980.